Posts recentes

Curiosidades da Ciência e Tecnologia: a revolução nanotecnológica

Atualizado: 20 de dez. de 2020



“Há muito espaço lá embaixo- um convite para um novo campo da Física”

Richard Feynman, Nobel de Física de 1965

Em 29 de dezembro de 1959, o famoso físico Richard Feynman proferiu uma palestra que encerrava o encontro da Sociedade Americana de Física daquele ano. Evento que havia sido organizado pelo reconhecido Centro de Tecnologia da Califórnia (Caltech). Como figura popular que era, Feynman atraiu muitos espectadores naquela noite à sua palestra. O curioso título da palestra que depois seria publicada e se tornaria um dos trabalhos mais citados de Feynman era “Há muito espaço lá embaixo- um convite para um novo campo da Física”.

Nessa palestra, o consagrado físico falava de um ramo que décadas depois se consolidaria como um dos campos que mais mudaram a Ciência e a Tecnologia nos últimos anos: a Nanotecnologia. Muitos consideram essa palestra de Feynman como o marco inicial desse fascinante campo que está por todos os lugares em nossos tempos. Vamos entender um pouco mais sobre esse campo fantástico.

A Nanotecnologia está diretamente ligada a duas Ciências fundamentais para a humanidade: a Química e a Física. O nicho de atuação do mundo nanotecnológico é o mundo microscópico, dimensões que vão do 0,1 a 100 nm. São escalas de tamanho de átomos isolados até grandes moléculas orgânicas de imensas cadeias de polímeros. Para se ter uma ideia, o DNA humano possui em torno 2,5 nanômetros.

A Nanotecnologia estuda e desenvolve tecnologias que possibilitam a manipulação de átomos e moléculas de tal maneira que possamos criar novos materiais com propriedades não encontradas comumente na natureza. A Ciência dos Materiais não se cansa de nos brindar a todo momento com novos e engenhosos arranjos moleculares que produzem efeitos maravilhosos aplicáveis ao nosso dia a dia. Tecnologias médicas na luta contra o câncer, materiais de aparelhos tecnológicos, do setor de computação, energia, roupas etc. Quando você comprar um produto que tenha algum tipo de inovação ligada a estrutura do material do produto, é quase que certo que a Nanotecnologia estará presente.

Comumente nos últimos anos, ouvimos muito falar nesse campo sobre os nanotubos de carbono por exemplo. São estruturas muito curiosas construídas com arranjos de átomos de carbono e que possuem muitas aplicações que vão desde a eletrônica até produção de novos materiais.

A Nanotecnologia não está completamente consolidada e sem sombra de dúvidas ainda nos brindará com muitas surpresas e com muitos benefícios para a humanidade. Quem sabe você não se interessa em trilhar os caminhos fascinantes do universo do muito pequeno? É um mundo incrível, pode ter certeza! Até mais!

Fernando Montini é cientista de dados, programador, pedagogo, químico industrial e mestre em Biologia.

Escreve para o blog sobre tecnologia na área de Ciência de Dados, Business Intelligence e Mercado Financeiro.

20 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
VEJA TAMBÉM